Notícias

Em defesa da Petrobrás e contra a venda de ativos, FNP vai a Brasília

No Dia Nacional de Luta, dirigente e advogada da FNP encontram-se com parlamentares, em defesa da empresa e contra as tramoias de Pedro Parente

06/12/2017
Em defesa da Petrobrás e contra a venda de ativos, FNP vai a Brasília

Nesta terça-feira (5), a Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) esteve em Brasília, a fim de defender a Petrobrás. Pela manhã, reuniu-se com a assessoria do senador Lindbergh Farias (PT-RJ).

A reunião foi realizada no gabinete da liderança do Partido dos Trabalhadores (PT) e objetivou dar continuidade à discussão sobre montar uma estratégia em defesa da Petrobrás, contra o roubo e o desmonte da empresa, arquitetado por Pedro Parente e aliados.

À tarde, Adaedson Costa, dirigente da FNP, e Raquel Sousa, advogada da FNP, estiveram com a bancada partidária do PSol, em que trataram sobre a grande lesividade do Plano de Desinvestimento da Petrobrás, além do desastre da MP 795/2017, que suspende tributos federais cobrados de determinadas atividades no âmbito do regime chamado Repetro.

Em outras palavras, a MP “zera a alíquota de imposto de renda sobre algumas operações. Ou seja, é um presentão para as empresas petrolíferas estrangeiras”, afirmou Raquel, em entrevista ao Viomundo, divulgada no dia 28 novembro.

Desde novembro de 2016, a FNP vem denunciado todo esse processo de depredação da empresa e, sobretudo, a ausência de licitação na venda de ativos da Petrobrás.

Agora que se conhecem as tramoias, nota-se que a prática predatória de Parente se encaixa perfeitamente no figurino clássico das privatizações de grandes grupos, em que utilizam a tática de primeiro desmembrar a empresa e depois se desfazer dos fragmentos, como estão fazendo com a Petrobrás. Mas não triunfarão!

A iniciativa da FNP faz parte do embate travado em defesa da Petrobrás, que tem conduzido o impedimento da venda de ativos da companhia. Desde novembro do ano passado 2016, a Federação interrompeu diversas vendas de ativos. A FNP vai continuar lutando para impedir que mais vendas aconteçam.

Veja o vídeo em que Adaedson e Raquel falam sobre a atividade em Brasília, abaixo:

Tags petrobrás privatização FNP

Contato

Avenida Presidente Vargas
502, 7º andar, Centro
Rio de Janeiro-RJ
CEP 20071-000
fednacpetroleiros@gmail.com

Newsletter

Assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos